PEQUENO GRUPO EM TREINAMENTO

Lembro-me de visitar o zoológico quando criança. Observando um grupo de macacos em seu habitat, pulando entre galhos e guinchando um ao outro enquanto brincavam. Foi incrivelmente divertido e fascinante para a minha mente de 5 anos de idade.

No outono passado, eu tive alguns flashes de memória daquela cena de macacos, enquanto observava nossos novíssimos grupos de pré-escola se adaptarem aos seus novos ambientes para grupos pequenos no domingo de manhã.

Alunos do 1o ano (ex pré-escolares) tem uma mudança grande nos primeiros meses do ano letivo. E eles precisam de um guia bom e sólido ao seu lado.

Os alunos do 1 ano precisam aprender um novo conjunto de habilidades para ajudá-los a ser um grande membro de um pequeno grupo à medida que crescem. Algumas delas são coisas simples sobre “como se sentar em um círculo” ou “o que significa ouvir” ou “como participar de uma forma que ajude o grupo inteiro”.

E como se dá com qualquer habilidade, a aprendizagem leva tempo. Se você é um SGL destes novos membros que estão chegando para o seu pequeno grupo, dê a si mesmo (e seus poucos) um pouco de graça e invista tempo em treinamento. Aqui estão algumas coisas que aprendi com alguns líderes experientes para ajudar qualquer líder a manter a atenção de seus poucos. Talvez estas dicas também ajude você.

Defina as expectativas no início de cada grupo. Deixe seus poucos saberem quantas atividades você fará em conjunto, o que eles farão durante cada atividade e responsabilize-os pelas expectativas que você compartilhou. As crianças vão ouvir com interesse se você é interessante. Ria e use sua inflexão de voz para manter o interesse deles. Faça contato visual e sorria. A maioria das crianças aprecia quando se sentem especiais e amadas.


Use uma voz calma, porém, firme, para que seus poucos saibam que você está no comando. Não tenha medo de corrigir um dos seus poucos. Todos podem se divertir mais se os poucos estiverem envolvidos e trabalhando juntos.


Use prêmios para motivar os poucos a ouvirem e participarem. Pequenos prêmios como um selo de mão ou adesivos permitem que você recompense “ao longo do caminho”, em vez de oferecer um grande prêmio no final. A maioria das crianças luta para permanecer motivada se a recompensa parecer fora de alcance. Permita que eles experimentem sua recompensa em doses menores.

Use um “amigo escutando” como um bicho de pelúcia. Passe isso ao redor do grupo para que todos saibam quem está falando e quem está ouvindo.
O que você adicionaria a essa lista para treinar um novo participante de grupo pequeno?

Escrito originalmente por Gina McClain
Traduzido e adaptado por Carina Cortat

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *